Contato

E-mail: fx.lucas@gmail.com

Twitter: @_lucasfigueired

58 Respostas para “Contato

  1. No capítulo 47 do livro Morcegos Negros,fica mais evidente de que Augusto Farias é o principal suspeito pelo assassinato do irmão.
    Caso ele, Augusto Farias, seja realmente o responsável pelos assassinatos de Suzana Marcolino e PC Farias, o motivo seria apenas pela fortuna que PC acumulara ou teria outros motivos?
    .

    • Sem entrar no mérito de quem teria matado (ou mandado matar) PC Farias e Suzana, o motivo certamente está ligado ao que PC sabia sobre esquemas criminosos dentro e fora dos governos. A informação que PC tinha valia mais que o dinheiro.

  2. TUDO BEM , LUCAS ? O PAÍS LÊ POUCO. A NOSSA RIVAL ARGENTINA DÁ UM BANHO EM NÓS EM TERMOS DE VENDAS DE REVISTAS E LIVROS NA AMÉRICA DO SUL .SOU PROFESSOR DE HISTÓRIA E EXPERT EM INCONFIDÊNCIA MINEIRA .JÁ FUI A OURO PRETO 6 VEZES E PRETENDO VOLTAR .PARABÉNS PELO FUTURO LIVRO .AGUARDO ANSIOSO…

  3. Oi Lucas.
    Fuçando um pouco na internet, acabei achando um vídeo interessante, é sobre a morte do Celso Daniel. Não sabia que Marcos Valério tinha informação sobre a morte do ex-prefeito de Santo André. E o que ele sabe, parece, é de assustar a cúpula do PT.
    Outro que também não conhecia é o Luiz Francisco Barroso, ex-advogado do Roberto Jefferson. Há um texto explicando o motivo da desistência, por parte de Roberto Jefferson, de continuar com os serviços prestados por Luiz Francisco. Tudo indica que houve um acordo entre Roberto Jefferson e PT para que o líder do PTB voltasse atrás das acusações e deixasse Lula de fora do Mensalão.
    Pelo Amor de Deus Lucas, faça O Operador 2, a gente precisa saber o que está acontecendo.
    Abraço

  4. ALON

    Oi Lucas.
    Li O Operador. É impressionante como tem gente que ainda acredita que o mensalão não existiu.
    Assim como PC, Delúbio será um companheiro e tanto, não entregará nenhum de seus pares.
    Acabei de ler o livro do Palmério, O Príncipe da Privataria. FHC tinha também seu PC, Sergio Mota, o trator.
    Semana que vem comprarei Ministério do Silêncio.
    Abraço

  5. Arthur Kimura Gagliardi

    Ola, Lucas

    O meu caso é justamente igual ao ultimo comentário da magna, gostaria de saber como eu posso adquirir o livro “morcego negro”, já que procuro vários sites e não o encontro, sua obra é uma excelente fonte de informação, pelo trechinho que li na obra do dr Saulo Ramos e sua obra não pode ser perdida.

    Esta obra é muito importante para cidadão, não deixe que a censura oculte a verdade

    Se tiver algum jeito para que eu adquiri-la me avise, tenho certeza que fará com que eu e outras pessoas veja a política de maneira mais profunda, ampla

    Estarei aguardando respostas

    Obrigado

  6. magna

    Lucas,
    Quero saber qdo seu livro Morcegos Negros estiver a venda. Meu e-mail magnacriso@yahoo.com.br sou amante de uma boa leitura

  7. Caro Lucas,
    Terminei a leitura de Boa ventura! e gostaria de agradece-lo pelo excelente trabalho de pesquisa e pela narrativa fluida da obra. Sao poucos os livros de jornalismo historico que conseguem informar e entreter. Seguir o caminho da pepita desde a introducao, ao longo do livro e na conclusao foi uma obra prima, a descricao do uso perdulario do ouro pelos portugueses em conjunto com a falta de aptidao administrative foi capaz de me deixar irritado, ao mesmo tempo que parece explicar um sem-numero de problemas que continuam presents no Brasil atual. Vou visitar o pais em Junho e necessariamente vou procurar por outros livros seus. Ha uma sequencia de leitura que voce sugira?
    Um abraco,
    Claudio

    • Caro Claudio
      Em primeiro lugar, muito obrigado pelo interesse na minha obra.
      Sugiro, pela ordem, a leitura de MINISTÉRIO DO SILÊNCIO, MORCEGOS NEGROS, O OPERADOR e, por fim, OLHO POR OLHO.
      Abraço.
      Lucas

  8. Vinicius

    Por favor, continue a postar reportagens sobre a ABIN. O senhor é a unica boa fonte sobre o que acontece nos bastidores da Inteligencia brasileira para muitas pessoas. Obrigado

  9. junior

    boa tarde gente!Na pagina 375,376 do livro Ministério do Silêncio;é narrado uma piada de um general que se acidental e fica em coma,diz que passou no programa do Jô,no dia 01 de julho de 1985.Será que tem algum vídeo gravado na net para nos assistir .(procurei e não acho nada relacionado será que foi censurado?Se vc caro lucas tiver algo relacionado me de um alô né!!!!Só p/ dar uma risada mesmo!!!!!!!!!!

    • O vídeo é realmente muito engraçado – e com leitura política certeira. Eu não tenho o vídeo, mas já vi que no YouTube tem vários do Viva o Gordo, o programa do Jô Soares na época.
      Abraço.

  10. Tavane Pazze

    Lucas…recentemente enviei e mail para realizar trabalho na faculdade sobre questões que não entendi direito em seu livro, vc poderia me ajudar??

  11. junior

    olá estou lendo o livro Ministério do Silencio,confesso para você lucas que o mesmo me fez até mudar de posição politica.Muito humilde seu livro e muita coragem a sua de publicar e tocar em um assunto tão complicado e manipulado pelos ¨burgueses¨…
    tá de parabéns,,,

  12. Tavane Pazze

    Oi Lucas:
    seu livro morcegos negros é maravilhoso….não consegui parar de ler, impressionante, temos um trabalho de direito constitucional para realizar sobre ele. O que mais intriga é …..de onde saiu tanto dinheiro??? do narcotráfico mesmo ou era corrupção???

  13. Paulo Paranhos

    Prezado Lucas:
    Diferentemente de outros autores, jornalistas como você, a sua obra não contém equívocos históricos, mesmo porque, conforme se demonstra na vasta bibliografia e arquivos pesquisados, houve muito mais uma preocupação em mostrar ao leigo a formação das nossas Minas Gerais do que, espalhafatosamente, denegrir a imagem deste ou daquele personagem, conforme outros sabida e maliciosamente enganaram – e continuam enganando – com péssimos relatos que reputam como História. Essa história por eles contada é uma história com “h” minúsculo, diferentemente da sua. Finalizei um trabalho sobre o sul das Minas Gerais, ao qual dei o título de “Nas Minas do sul das Gerais”, um apanhado de artigos que publiquei em diversas mídias do Rio, São Paulo e Minas Gerais, calcando com mais intensidade em uma cronologia da cidade de Caxambu, onde atualmente resido. Assim que estiver publicado, enviarei um exemplar para você. Parabéns!
    Paulo Paranhos, historiador, museólogo e Diretor do Museu de Caxambu

  14. Edilson Jr

    Lucas, boa noite!
    Recentemente estive de viagem a Rússia, que além de ser um país muito bonito, é ao mesmo tempo bastante complicado com política e corrupção, como a nossa querida pátria! Durante anos viveram e ainda continuam sob domínio do serviço secreto a KGB nos tempos soviéticos e FSB, que é o serviço atual. Jornalistas que investigam corrupção, atentados, que falam mal do governo morrem como se a vida humana não tivesse importância alguma. E, li dois livros referentes a um dissindente chamado Alexander Litvinenko, que resolveu “dedurar” todo mundo e mostrar os abusos cometidos pelo serviço secreto de seu país. Acabou envenenado em Londres…mas enfim, aonde quero chega é: ao escrever Ministério do Silêncio, você se sentiu ameaçado de alguma maneira? Chegou a receber algum tipo de ameaças? Sabemos que vida de jornalista é muito arriscada em todos lugares e o quanto vocês se esforçam para mostrar a verdade.

    • Caro Edilson
      Não sofri ameaça em MINISTÉRIO DO SILÊNCIO. Mas uma fonte que me passava informações foi investigada por arapongas do serviço secreto e chantageada (ou parava de dar informações ou sofreria um constrangimento público).

  15. Neres Júnior

    Acabei de ler o Ministério do Silêncio. Confesso que não sou um leitor pragmático e dedicado, porém, a linguagem do livro e a riqueza das informações me dominaram de tal forma que em 3 dias eu li tudo e queria/quero mais. A linguagem usada é simples e objetiva. Agradeço por esta oportunidade de me sentir agraciado com esta magnifica obra! Valeu mesmo!

  16. IBANEZ D. MUNHOZ

    OI LUCAS,
    Sou militar, e recentemente estudei o Ministério do Silêncio, e aplico regularmente a parte histórica detalhada no livro, o senhor está de parabens, além do mais este tipo de literatura não se encontra facilmente. Linguagem muito agradável para ler, e a cada página a vontade ler aumenta.
    Também adquiri Morcegos Negros, e está fenomenal.
    Inclusive, gostaria poder de trocar material, principalmente a respeito do livro Ministério do Silencio, sou pós graduado na área e sinto muito falta, caso queira estou ás ordens.
    Parabéns…

    TRIPLICE F… A…

    IBANEZ

  17. ALON

    Terminei o livro Lucas.

    Aquela história do Jorge deixa qualquer um ansioso.

    Tem o caso dos tradutores. Primeiro a burocracia depois o corte de verba da PF na época das crises mundiais.
    Badan Palhares trabalha para o crime.
    A dupla Augusto Farias mais o filho da puta do delegado Cícero Torres é impressionante.
    “Um microcomputador encostado no canto de uma sala, desligado, que decidem levá-lo”.pg 374
    Agora nós vamos conhecer alguns nomes.Nada disso. Além do esquema PC o único nome interessante que apareceu foi o nome da Zélia e de seu assessor.
    O mais decepcionante, não puderam usar o computador legalmente.
    “O sistema nunca existiu”.

    Eu sou um desses trouxas que ainda é otimista.
    Abraço

  18. ALON

    Estou na página 200 do “Morcegos Negros”, e estou com uma dúvida. A dinheirama do PC surgiu mais do tráfico internacional ou da corrupção?

    Aquela história do saque de 5 milhões de dólares que PC fez para comprar parlamentares para impedir o impeachment por pouco não dá certo.
    Ainda bem que não foi voto secreto.
    Abraço

  19. Corrigindo um erro, não são dois anos de governo Collor, são 932 dias.

  20. Oi Lucas.
    Acabei de comprar em um sebo aqui em São Paulo, “Morcegos Negros” e “Notícias do Planalto”. Parecia uma criança.
    Quero ler logo esses livros.
    O governo Collor com PC no comando mexeu comigo e com meu irmão. Como eu disse estava lendo “Todos os sócios do presidente”, e acabei de ler hoje de manhã dentro do onibus. Ainda bem que aqui em São Paulo o congestionamento é grande.
    Lucas, eu e meu irmão observamos que quando o assunto Collor aparece nas rodinhas de discussão, e isso é raro, muito raro, o que se ve é que o que falam é apenas sobre a casa da Dinda, o fiat Elba e o tesoureiro PC Farias, e claro a gostosa da Tereza Collor.
    Lendo “Todos os sócios do presidente”, o governo Collor vai muito além disso.
    Eu fico pensando se o Collor fica 20 anos no poder, o que aconteceria com esse país? Parece que teve esse assunto, não?
    Ainda bem que durou apenas 2 anos.
    Nessas horas é que agente ve que o Brasil é muito rico.
    Um país que é saqueado sem nenhum limite de responsabilidade aguentar o que aguentou é impressionante.
    Vou devorar seu livro.
    Abraço

  21. Valquer

    Do site SRZD,
    Jovem suspeita de matar namorado é condenada a 15 anos de prisão
    Prezados Lucas, é isso mesmo, fim de papo, tudo certo, justiça feita?
    Como você analisa o final dessa história?
    Parece que foi feito a contento, a condenada teve o julgamento e nele foi apresentado as provas e juri condenou a acusada. ok.
    A família da vítima tem o direito de se indginar e exigir condenação e até pena maior, e legítimo. Agora, jornalisticamente e para a sociedade. Foi bem rápido o julgamento e condenação da acusada. Diferente de outros, como, o Pimenta Neves,Paulo Maluf, o dono da Gol, Constantino e muitos outros acusados, que não tenho como citar aqui por faltar a lembrança que quando são muitos a gente até perde a memória por se tornar rotina, a sociedade e os jornalista nao se perguntam por que essa diferença? Seria por questão de classe social? Porque essa moça, matou a circustâncias todas foram levantadas, qual a principal motivação? porque foi condenada assim tão rapidamente, a justiça está de parabéns nesse caso? e os outros casos que demoram tanto, porque demoram? Nem nos comentários aqui há questionamentos de nada? Os jornalistas, não cabe a eles fazerem as perguntas que a sociedade deveria fazer?

    • Valquer

      Prezado Lucas,
      a partir da palavra, Parece, o resto do texto é de um comentário que fiz no site SRZD , onde li a referida matéria, copiei e colei aqui meu comentário lá.

      Vai desculpando os erros, são por ignorancia e por escrever como metrahadora, sem ler e corrigir o que escrevo.

  22. Guilherme Figueiredo

    Prezado L. Figueiredo,

    Em minha graduação fiz um trabalho intitulado Telejornalismo Policial, seus abusos e suas conseqências, lendo as matéria de seu blog fiquei muito curioso sobre qual seria sua opinião do tema.
    Em 31 de novembro fui convidado para expor sobre o mesmo em um canal de internet ao vivo, ficaria demais honrado se pudessemos nos corresponder e trocarmos mais idéias.

    abraços e parabéns

    obs. Acho que achei um Jornalista digno e ético.

    Dr. Guilherme Figueiredo (Advogado)

  23. Virgílio Machado

    Prezado Lucas,
    Acabei de ler seu livro “Boa Ventura” e gostei muito. Sou professor de História e diretor do Coleguium. Vou avaliar com nossa equipe de história a viagilidade de adotá-lo para alunos do Ensino Médio.

    Tenho alguns livros antigos, que herdei da biblioteca de um tio, Antônio Joaquim de Almeida (fundador do Museu do Ouro de Sabará). Entre eles está um sobre a Guerra dos Emboabas, de Isais Golgher, que gostaria de lhe entregar. Por favor, me oriente sobre como proceder.

    Parabéns pelo livro, foi um belo traalho,
    Virgilio Machado

  24. Neyde Helena Castro

    Oi, Lucas (meu nome predileto/São Lucas), que bom encontrar você. Depois de ler sobre você em vários sites, cheguei à fonte. Tenho 71 anos, fui militante do Partidão no começo dos anos sessenta e não mudei minha ideologia: “de cada um, segundo sua capacidade. A cada um, segundo sua necessidade.” Conte comigo, aqui nas Terras Altas da Mantiqueira, para desmascarar os corruptos e os corruptorres. E temos que começar no nosso micro, no meu pequeno município, perdido na nascente do Rio Verde. Um grande abraço. Neyde Helena de Castro

  25. Jorge Moraes

    Olá, Lucas. Através de um blog agregador de congêneres mais voltados para a política foi que tomei conhecimento do seu blog. Isso já faz alguns meses. De lá para cá, com a frequência que meu ânimo e horários permitem, leio seus posts, sempre muito bem escritos, e dotados de originalidade, a de pauta e a opinativa. Como ótimo exemplo desta última característica, cito, de cabeça, um, bem recente, sobre a validade ética da já famosa matéria da Veja sobre o José Dirceu. Uma observação de outra natureza, Lucas, gostaria de fazer. Se possível, peço que responda. Trata-se de comentário que fiz a respeito de “salários de juízes”, e que só depois de ter enviado fui constatar que um tempo relativamente largo (dois, três dias, hoje em dia, já são “tempo largo”) já havia se passado. Pedindo ou não demais, peço: poderia opinar sobre o que lá escrevi? Obrigado, Lucas.

    • Obrigado pelo contato, Jorge, e sobretudo pela disposição para o debate. Certamente responderei ao seu comentário. Um abraço.

      • Jorge Moraes

        Olá, Lucas. Antes de tudo, muito obrigado pela pronta confirmação ao meu contato, de 06 de setembro pp. Só tal atenção já é motivo de satisfação. Imagino quão densos e urgentes compromissos um jornalista como você deve ter por atender. Mesmo assim, e peço desculpas pela ousadia, gostaria, se possível, que você respondesse ao meu comentário sobre “salários de juízes”. Assim como a imprensa compõe-se de cidadãos (o que a torna, eventualmente, suscetível de reproduzir conceitos consagrados pelo “senso comum”), imagino que a posição específica do jornalista, pela influência que exerce sobre a “opinião pública”, o “obrigaria” a ser mais crítico, austero, quanto ao valor real de afirmações do gênero em foco. Grato.

      • Já está lá, Jorge. Abraço.

  26. Caro Lucas,

    Gostaria de adquirir seu livro Boa Ventura em versão digital – ja existe em algum portal, livraria etc?

    Parabéns pela obra, cuja temática sempre me despertou interesse, como jornalista e principalmente como nativo de Goiás Velho,a antiga Vila Boa dos Goyazes, do ciclo do ouro.

    abcs

  27. Oi Lucas, estou lendo seu livro: Boa Ventura! Estou gostando muito, dei uma divulgada em meu blog, espero que não se importe: http://cajuinas.blogspot.com/2011/07/literatura-e-seus-livros-boa-ventura.html

    Abs

  28. Ciro

    Oi Lucas…li recentemente o seu livro ”Boa Ventura!”- A CORRIDA DO OURO NO BRASIL(1697 – 1810), adorei seu jeito simples e fácil, porém muito inteligente de escrever…me ajudou muito nas provas de História, eu e alguns colegas de classe faremos um seminário sobre você e seu livro no dia 27/06/11 no Colégio Dante Alighieri, em Sp,capital. Gostaria de lhe fazer um humilde pedido, que você compareça no colégio, para contar um pouco da sua vida como jornalista, tirar dúvidas, etc…
    tenho 15 anos e estou no 1°colegial!

    • Oi Ciro
      Seria um grande prazer ir ao seu colégio, mas não no dia 27/06. Eu moro em Belo Horizonte. Eu teria disponibilidade de ir no segundo semestre, quando for a São Paulo. O que você acha?

  29. Cesar AC Rodrigues

    Sr. Figueiredo,
    Há alguma possibilidade em lançar uma versão eletrônica do seu livro Boa Ventura?
    Grato,
    Cesar

  30. PARTICIPE DA CONSTITUIÇÃO DA ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DO MEMORIAL DA ANISTIA POLÍTICA . Dia 14/05, sábado , de 10 as 14 horas, antigo prédio da FAFICH, Rua Carangola 288 , Bairro Santo Antonio, Belo Horizonte
    Sua assinatura na ata de fundação da Associação é de fundamental importância. Além de reforçar a construção do Memorial da Anistia Política ela possibilitará o resgate da VERDADE sobre a ditadura militar. Aos que moram e amam BH será a projeção da nossa cidade para o Brasil e o mundo como a capital da JUSTIÇA , PAZ e DEMOCRACIA. Enfim sua assinatura manterá viva a chama da LIBERDADE acessa pelos(as) companheiros(as) assassinados(as)
    BETINHO DUARTE

  31. Nação brasileira,
    Vamos intensificar nossas ações em âmbito nacional e internacional visando a aprovação do Projeto de Lei nº7376/2010, que cria a COMISSÃO NACIONAL DA VERDADE.
    A COMISSÃO NACIONAL DA VERDADE terá como finalidade examinar e esclarecer as graves violações de direitos humanos praticados durante as ditaduras a fim de efetivar o direito à memória e à verdade histórica.
    PARTICIPE DESSA CAMPANHA. ENTRE EM CONTATO COM OS DEPUTADOS FEDERAIS E SENADORES E EXIJA A APROVAÇÃO URGENTE DO PL 7376/2010.
    VAMOS FAZER UMA CORRENTE EM NOME DA VERDADE ,DA PAZ E DA JUSTIÇA.
    ” QUEM ESQUECE O PASSADO ESTÁ CONDENADO A REPETI-LO” Leon Bloy

    http://www.peticaopublica.com/?pi=P2011N8330

  32. Lucas, antes de mais nada, parabéns pela carreira. Como historiador e professor de História, e brasileiro, agradeço o que vem fazendo. Estou terminando de ler “Boa Ventura!” com bastante entusiasmo (e aquele sofrido “onde está a teoria da História”, típico de uma formação marxista…mas já sublimei, rs). Queria uma informação tua, se possível : como posso ter acesso ao caderno especial publicado no Estado de Minas sobre a mineração? Agradeço a atenção.

    • Obrigado pela leitura generosa do livro. Quanto aos cadernos do EM, acho que o melhor jeito é procurar na hemeroteca da biblioteca pública, pois os cadernos esgotaram já naquela época. Abraço.

  33. patty

    nosssa!!!!
    a gente acha que esta sendo informado, e isso não aocntece,
    pois estamos sendo alienados é bastante diferente!!!!

    nossa!!!!!
    eu adorei o site, estarei aqui para ler!!!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s