Arquivo da categoria: Lucas na imprensa

Sobre o fim da censura prévia às biografias (e aos filmes, às músicas, ao teatro, às teses acadêmicas…)

censorshipNeste domingo, a Gazeta, de Vitória (ES), publicou reportagem com a repercussão da decisão do Supremo Tribunal Federal de acabar com a censura prévia a obras de cunho biográfico. Minha opinião sobre o tema está na matéria. Para ler, clique aqui.

Deixe um comentário

Arquivado em Lucas na imprensa

Giffoni fala sobre Boa Ventura! na BandNews FM

Luís Giffoni

Luís Giffoni

Nesta semana, em seu programa “Livro no Ar”, na Band News FM de Belo Horizonte, o escritor Luís Giffoni fez uma resenha de Boa Ventura!. Para ouvir, clique aqui.

Deixe um comentário

Arquivado em Livro-reportagem, Lucas na imprensa

Boa Ventura! na Revista de História

Leia abaixo a resenha crítica de Boa Ventura! – A corrida do ouro no Brasil (1697-1810) publicada pela Revista de História, da Biblioteca Nacional.

xxx

O sonho dourado luso-brasileiro

Gefferson Rodrigues

Desde que os portugueses se lançaram ao mar no século XV, a grande expectativa era encontrar ouro. Não foi diferente em 1500, quando puseram os pés na terra que batizaram de Santa Cruz. O sonho só foi plenamente realizado dois séculos mais tarde, no coração da região que formaria as Minas Gerais. Em 1697 foi feito o anúncio oficial da descoberta, dando início à exploração por meio do garimpo, principal forma de extração até 1810, quando a mineração se encontrava em situação melancólica. Então, sairiam de cena os garimpeiros e entrariam em campo as grandes Companhias de mineração. Entre um marco e outro, uma história de conflitos, riqueza, festas e miséria.

Com uma narrativa em tom de aventura, o jornalista Lucas Figueiredo atrai o leitor desde o início do livro, com a história do rei D. Luís I (1838-1889), que, endividado, foi até o Palácio das Necessidades, em Lisboa, a fim de escolher algumas relíquias que serviriam para honrar seus compromissos. Chegando lá, encontra o Torrão de Água Quente, uma pepita de ouro com cerca de 20 quilos, descoberta em Goiás no ano de 1732. A pepita ficara esquecida por décadas, e logo se quer saber qual o desfecho do caso. O livro é uma “reportagem histórica”, como o próprio autor o define. Assessorado por historiadores especialistas no assunto, “Boa ventura!” tem o mérito de manter uma bibliografia atualizada, e apresenta os fatos numa linguagem agradável para os leitores que querem se iniciar no tema do sonho dourado luso-brasileiro.

2 Comentários

Arquivado em Livro-reportagem, Lucas na imprensa