Qual o futuro do jornalismo investigativo?

TINTIN SNOWYComo fica o jornalismo investigativo em tempos de crise na imprensa tradicional e de ascensão das plataformas eletrônicas? Esse foi o tema do último programa Rede Mídia, da Rede Minas, levado ao ar no dia 12 de janeiro, no qual debati com a professora Virgínia Palmerston, da UNI-BH.

Mediado pelo jornalista Luiz Henrique Freitas, o Rede Mídia é um importante fórum de debates e análise sobre a comunicação e a mídia.  O Rede Mídia tem um canal no YouTube com a íntegra de seus programas.

Abaixo, os links do programa sobre jornalismo investigativo.

PARTE I (12 minutos)

https://www.youtube.com/watch?v=obnN-vokJJw&list=PLVBEjiXXZFlWB-eykhCDre67mMTqh0mTH&index=4

PARTE II (12 minutos)

https://www.youtube.com/watch?v=OaMcsqPtg6E&list=PLVBEjiXXZFlWB-eykhCDre67mMTqh0mTH&index=5

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Jornalismo, Lucas na mídia, Mídia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s