Sarney, Collor e a anti-história

O fotógrafo Fabio Rodrigues Pozzebom, da Agência Brasil, flagrou ontem um raro momento de anti-história: o encontro dos senadores José Sarney e Fernando Collor no plenário do Senado. Quarenta e oito horas antes, Sarney usara um argumento cambaleante para justificar a retirada do impeachment de Collor da galeria de imagens históricas do Senado: “Eu acho que talvez esse episódio [o impeachment] seja apenas um acidente e não devia ter acontecido na história do Brasil. Não é tão marcante como foram os fatos que aqui estão contados, que construíram a história, e não os que de certo modo não deviam ter acontecido.” O veto foi revogado posteriormente pelo próprio Sarney.

Talvez o presidente do Senado tenha razão. Certas coisas nunca deveriam ter acontecido.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Política

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s