Em abril, o livro novo: Boa Ventura!

Boa Ventura! A corrida do ouro no Brasil (1697-1810)

A cobiça que forjou um país, sustentou Portugal e inflamou o mundo. Este é o tema de Boa Ventura! – A corrida do ouro no Brasil (1697-1810 ), meu novo livro, que chega às livrarias em abril pela Editora Record. Trata-se de uma reportagem histórica, fruto de três anos de pesquisa em arquivos de Portugal, França, Inglaterra, Benin e Brasil.

Algumas livrarias (o site BondFaro indica nove) já estão fazendo pré-vendas.

Abaixo, a sinopse e a orelha do livro:

SINOPSE

Fevereiro de 1876. O falido rei d. Luís I vasculha os cofres portugueses à procura de joias e outras peças de valor que possam ser vendidos para pagar dívidas. Na busca, ele encontra uma pepita de ouro de pouco mais de 20 quilos, do tamanho de um melão. Esquecida por décadas nos Tesouros Reais, a pedra retirada de solo brasileiro é o último remanescente de uma época de riqueza incalculável para o velho império lusitano. É com esta cena – insólita e absolutamente verdadeira – que o jornalista Lucas Figueiredo inicia sua fascinante reportagem histórica.

Com uma pesquisa rigorosa e um texto sedutor, Figueiredo lança luzes sobre um dos períodos mais fantásticos da história: a corrida do ouro no Brasil. A narrativa ganha contornos de aventura do início ao fim – dos 200 anos de busca do El Dorado tupiniquim à descoberta e exploração da maior reserva de ouro até então conhecida no planeta, com cerca de 1.000 toneladas do metal precioso depositadas praticamente à flor da terra.

Com uma descrição preciosa de eventos e personagens, o premiado autor reconstitui o século em que o dinheiro literalmente brotava do chão brasileiro, provocando um impacto perturbador nas Américas, na África e na Europa.

ORELHA DO LIVRO

Chuva na cabeça, sol na nuca, peste, fome, feras, canibais. Traições, intriga e corrupção. Esses são os ingredientes dessa aventura. A história da primeira loucura a varrer o solo brasileiro: a corrida do ouro que ajudou a forjar nossa nação. Quando a esquadra de Pedro Álvares Cabral se desviou à direita do continente africano, era a cobiça sua bússola. Cravo e canela podiam render um bom dinheiro no Velho Mundo, mas eram as esperanças de ouro e prata que incendiavam o coração lusitano. E as cortes europeias.

Desde Manuel I, o venturoso, e sua improvável ascensão ao trono dos Avis, a obsessão lusitana por enriquecimento fácil tinha fincado suas raízes. E deitado ao mar milhares de homens pouco afeitos ao trabalho duro na terra. Mas afoitos pelo El Dorado. A sorte da Espanha em seu quinhão de América só servia para aquecer os delírios de nossa metrópole. Incontáveis expedições se aventuraram — e pereceram — nos sertões brasileiros em busca de qualquer coisa que reluzisse. Nosso próprio Sabarabuçu, versão tupiniquim da boa ventura espanhola.

Aqui, Lucas Figueiredo traz à vida, pela primeira vez, a trajetória dura e demorada em direção à descoberta de nossas riquezas minerais — e suas consequências. A América Portuguesa estava entre as nove províncias gemológicas do mundo. Com um solo impregnado de pedras preciosas, sobretudo, diamantes. Mas foram mais de dois séculos até a Coroa ver algum sinal de riqueza. E apenas a metade do tempo para dilapidar esses recursos. Em cem anos, Portugal torrara mais de metade do metal precioso produzido no mundo naquele período.

Uma sucessão de monarcas perdulários, administradores corruptos e sonegadores de impostos desfilam nas páginas de Boa Ventura! com a familiaridade nascida da boa pesquisa. Lucas, com vários Prêmios Esso na bagagem, segue as pegadas fincadas nas picadas da mata por gerações de aventureiros. E traça um painel da grande transformação brasileira: estimulada pela corrida do ouro, a imigração contribuiu para transformar uma colônia esquálida de 300 mil habitantes em robusta colônia de 3,6 milhões. A busca pelo metal ajudou a ocupar e proteger as fronteiras do Brasil, a desenvolver a agricultura e até mesmo as artes.

Só uma coisa não restou desse período… Seu principal protagonista: o ouro brasileiro. Pulverizado por toda a Europa.

Anúncios

24 Comentários

Arquivado em Livro-reportagem

24 Respostas para “Em abril, o livro novo: Boa Ventura!

  1. Pingback: Boa Ventura | Conexão Paris

  2. Maria Jose Caldas

    Olá
    Acabei de ler o Livro. Maravilhoso! Sou Professora de História e faço pesquisas, e recentemente visitei as Cidades de Sabará, Ouro Preto, Sao João Del Rey, Mariana e Congonhas. Sou apaixonada por História e devorei o Livro. rsrsrrsss…..
    Parabèns Lucas por proporcionar uma obra desse porte.

    Abraços

  3. marcos moraes

    Acabei de ler. excelente, principalmente pra quem, como eu, pesquisa MInas, Brasil, Mensalão e como tudo começou…

    MUito bom! Estou sugerindo a todos que o leia em conjunto com O Operador. Penso que fica bem mais fácil entender como tudo começou, he, he…

    A proposito, não está na hora de um segundo Operador?

    Parabéns!!!!

    MAM

  4. Guilherme Dória

    Sou e sempre serei do time das exatas, porém recentemente ao ler Leandro Narloch iniciei um flerte com a história do Brasil, área que nunca tive afinidade. A fim de descobrir se a paixão iria durar, adquiri seu livro. Não me arrependi de forma alguma, hoje acabei de lê-lo e agradeço pelas horas de descobertas. Me sinto animado a beber de outras fontes também. Obrigado.

  5. synval

    Rico em detalhes, esclarecedor, e historicamente completo… Assim considero o Boa Ventura.
    Me encanta profundamente conhecer as entranhas da formação de nossa nação, e com isso entender melhor, as bases formadoras das instituições políticas e administrtivas de nosso País!!
    Trabalhos como este, deveriam ser leitura obrigatoria em nossas escolas.
    Parabéns pelo resultado de seu esforço e continue nos presenteando com suas jóias.
    Abraço.

  6. Bruno

    Bom dia, Lucas.
    Parabéns pelo seu livro, que comprei alguns dias atrás (e ainda estou lendo) por indicação de (nada menos!) Laurentino Gomes, que, em palestra recente na “Feira do Livro” de minha cidade (Poços de Caldas), recomendou a obra com muito entusiasmo.

  7. Lucas
    Parabéns
    Vou postar o texto acima com os comentarios do seu livro no meu blog
    Cesar

  8. Leonardo Marinho

    Lucas,

    Acabei de ler seu livro. Excelente trabalho ! Não só um imenso trabalho de pesquisa, mas um perfeito retrato do ocorrido na época da corrida do ouro no Brasil Colônia. Além disso, o livro apresenta uma linguagem de fácil compreensão e a ordem cronológica dos fatos de maneira impecável. Parabéns pela obra !

  9. jose braz halfeld

    Caramba meu, seu livro é excelente e muito elucidativo. Complementou meu parco horizonte histórico sobre minas gerais, antes um mosaico de conhecimentos . Obrigado e não para não…..

  10. Prezado Lucas

    Li “Morcegos Negros” já há muitos anos e desde então tornei-me fã do seu trabalho, a reportagem em seu estado mais puro, a escrita atraente e ágil. Depois li “Ministério do Silencio”. E já estou ansioso para ler o novo lançamento. Sou jornalista e apaixnado por história. Parabéns e um grande abraço.

    Espero que você faca algum evento de lançamento aqui pela região de Limeira/Campinas.

  11. Paulo Correia

    Lucas,
    Quando você virá a Natal para autografar seus livros?
    Abraço.
    Paulo Correia

  12. eymard

    Lucas, a Livraria Cultura vende a partir de hoje (15/03). Ja divulguei no mural do meu facebook. Anteciparam o lançamento? Vc precisa vir a Brasília fazer tarde/noite de autógrafos. Abs e ainda mais sucesso! (Parabéns para vc e Mariana, vc sabe o motivo!)

  13. Caramba, só agora descobri seu blog. Comprei e li seu livro O Ministério de Silêncio e o livro Olho por Olho comprei esta semana pelo correio. Você é ótimo. Sou professor de História e adoro o seu trabalho.

  14. Obrigado, Eymard. Seu entusiasmo me entusiasma!

  15. eymard

    “pesquisa rigorosa e texto sedutor”, para mim resume Lucas Figueiredo! Ja fiz minha reserva na Livraria Cultura. Agora é aguardar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s