Eletrobras de Dilma: comando técnico, ma non tropo (4 movimentos)

Dilma não teme a radiação tucana na Eletrobras

1) Walfrido dos Mares Guia, Fernando Pimentel e PSDB-MG são os padrinhos do novo presidente da Eletrobras, José da Costa C. Neto.

2) José da Costa C. Neto, sob comando de Walfrido, atuou da tentativa de venda  da Cemig no governo Eduardo Azeredo (PSDB-MG).

3) A Cemig só não foi vendida porque Itamar Franco, sucessor de Azeredo, barrou o negócio.

4) José da Costa C. Neto é “suspeito de envolvimento no mensalão mineiro”, segundo Tiago Herdy (O Globo) http://migre.me/3OSmd

5) José da Costa C. Neto é de fato engenheiro competente. Mas gravita no explosivo universo tucano-walfridiano. E Dilma agasalha.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Política

Uma resposta para “Eletrobras de Dilma: comando técnico, ma non tropo (4 movimentos)

  1. Pingback: Pimentel, o verdadeiro Palocci de Dilma | Blog do Lucas Figueiredo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s